Sugestoes

Nao deixe de ler: Por cada 100 casamento, ha 70 divorcios &&&&& Epistolaonline deseja a todos Feliz Natal &&&&& Nao temas, estou contigo &&&&&

Tuesday, October 9, 2012

IGREJA, ADORAÇÃO E REVERÊNCIA


Em tudo que diz respeito à Igreja precisamos ir à Palavra de Deus para estabelecermos uma teologia e hábitos correctos a fim de evitarmos desvios que não honram nem agradam a Deus e que podem prejudicar a eficácia da Igreja como luz e voz profética no mundo. E um dos temas que precisam ser revisitados é o da Adoração Corporativa e da Reverência devida nos lugares do culto a Deus.
À guisa de introdução, precisamos perguntar: Se Deus está em todo o lugar e se O podemos adorar sem limitações de tempo e espaço (João 4:21,23), por que nos reunimos num lugar específico para O adorar? A resposta é fundamental para estabelecermos conceitos correctos quanto à adoração corporativa e à reverência devida nos lugares de culto.
PORQUÊ REUNIR-NOS COMO IGREJA
Reunimo-nos por diversas razões. Tradicionalmente, onde tem havido liberdade para os cristãos se reunirem, elegeu-se desde muito cedo construir ou adaptar lugares que são consagrados para a adoração e que, embora erradamente, passaram a ser conhecidos sob a designação de “igreja”, já que na verdade igreja é: 1)  Conceito congregacional: O conjunto dos cristãos de um determinado lugar: “dize-o à igreja”; (Mat.18:17); “à igreja que está em sua [ou tua] casa” (Rom. 16:5; Filemon. 1:2; “quando vos ajuntais na igreja” (I Cor. 11:18); “escrito à igreja…” (III João 9-10); “de maneira que nós mesmos nos gloriamos de vós nas igrejas de Deus…” (I Tes. 1:4;) “sete igrejas que estão na Ásia” (Apo. 1:4). 2). Continue lendo

-- Por Maria Odette Pinheiro
    Agosto de 2012

1 comment:

Daniel Leite said...

Excelente artigo que precisa ser lido por todos, em toda a parte. Parabéns!
Rev. Daniel Leite

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...