Sugestoes

Nao deixe de ler: Por cada 100 casamento, ha 70 divorcios &&&&& Epistolaonline deseja a todos Feliz Natal &&&&& Nao temas, estou contigo &&&&&

Tuesday, July 31, 2007

JOSE HELENO GAGARIN

Sonhei que fui à Lua numa expedição inesquecível ao Espaço. Foi na semana passada.
Recebi o convite do Yuri Gagarin, convite que muito me honrou e logo aceitei. Comecei os preparativos, tomei os treinos adequados e no dia marcado estava lá, pronto para realizar um dos sonhos mais irrealizáveis dos homens.
Sair da Terra é a parte mais difícil de uma viagem ao Espaço. Uma grande força, a gravidade, tenta puxar para o centro a nave espacial. A gravidade é a força que faz os objectos caírem ao chão. É a gravidade que mantém os objectos na Terra e que as impede de voarem para o Espaço. Ela tem influência mesmo nas naves espaciais perto da Terra. Fá-las circular à volta da terra e é o que chamamos de entrar em Órbita. É difícil enviar uma nave espacial à Lua ou a um Planeta porque estão sempre a mover-se. Uma viagem ao espaço tem que ser cuidadosamente planeada, por isso é controlada por muitos técnicos e computadores. Leva tanto tempo que um Planeta já se terá movido, quando a nave espacial lá chegar. Esta tem de ser lançada para o sítio onde o Planeta vai estar no fim da sua viagem.
Uma das mais excitantes missões espaciais foi a primeira descida do homem na lua. Aconteceu em 1969. Este gigantesco foguetão de três secções levou os três astronautas da nave “Apollo” à Lua. Depois desta primeira experiência, muitas outras já foram realizadas e cada vez com maior sucesso devido ao avanço da ciência. Provavelmente, devo ter sido o primeiro pastor a pisar o território lunar, apesar de ter sido em sonho. Lembro ter levado a minha Bíblia e o meu hinário, e enquanto estava a tentar abrir o hinário para cantar o hino nº 5, sem sucesso por causa da inexistência da gravidade, o meu telemóvel despertou. Eram seis da manhã. Acordei na Terra em cima da minha cama depois de uma aventura espacial.
Apesar de ter sido apenas um sonho, deu para ver que, realmente, o Espaço é mesmo espacial.

José Heleno

No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...