Sugestoes

Nao deixe de ler: Por cada 100 casamento, ha 70 divorcios &&&&& Epistolaonline deseja a todos Feliz Natal &&&&& Nao temas, estou contigo &&&&&

Wednesday, November 18, 2009

À SOMBRA DAS TUAS ASAS ME ABRIGO ATÉ QUE PASSEM AS CALAMIDADES – Salmos 57;3

Sob as Suas Asas


HINO
  1. 1. Sob Suas asas estou descansando, Inda que noite, confiante eu estou; Sob Suas asas vou sempre abrigado, Fui redimido e Seu filho já sou.
  2. CORO: Descansarei, descansarei Sob Suas asas benditas, Descansarei e não temerei sob asas tão protectoras.
  3. 2. Sob Suas asas refúgio eu encontro, Meu coração poderá descansar. E se este mundo não presta socorro, Sob Suas asas a paz hei-de achar.
  4. 3. Sob Suas asas promessa preciosa! Sempre me posso do mal ocultar. Salvo em Jesus e confiante na graça, Nada no mundo me pode abalar.
O Salmo 57 é semelhante ao Salmo 56 e os versículos 7-9 repetem-se no
Salmo 108 que por sua vez utiliza o Salmo 60.
O Salmista conhecia e tinha uma intimidade profunda com as ASAS do Deus Todo-poderoso. Por diversas vezes e por motivos díspares ele procurou refúgio sob as Asas protectoras do seu Senhor. Quando exercemos a nossa fé em Deus quando nos refugiamos, nos “escondemos” sob as Asas do Omnipotente todos os temores desaparecem e não receamos qualquer perigo; inimigo algum nos pode intimidar ou afrontar.
A repetição de “Tem misericórdia de mim” indica a urgência da oração. Em qualquer circunstância o cristão, eu como cristã, posso clamar pela misericórdia de Deus, pois Ele é um Deus de amor; Ele quer que confiemos nele e se acreditarmos Ele nos atende. A figura de “À sombra das Tuas asas é usado com frequência para se falar do refúgio seguro que é confiar em Deus.
O Salmista sabe e demonstra que conhece o alcance da frase “Ao Deus Altíssimo. Sabe que Deus tem poder sobre toda a sua criação, mesmo sobre as galáxias mais longínquas, ao mesmo tempo que este mesmo Deus se preocupa com cada um dos seus filhos.
Convém que saibamos que o nosso Deus, na Sua qualidade de Altíssimo, não anula o cuidado que Ele dispensa a cada um de nós.
A Sua Misericórdia ou Amor ou ainda Fidelidade mostra a Sua relação especial para connosco.
Quando os inimigos querem fazer-nos sucumbir, o recurso é firmarmos a nossa fé em Deus. Como fez com Josué Ele pede a cada cristão que esteja firme diante dos perigos, ameaças e maldades. O resultado só pode ser a VITÒRIA e a nossa fé cresce.
Como o Salmista, pensemos nós também, em quem temos crido, em quem temos depositado a nossa fé quando assomam provas terríveis.
O Salmista descansa na segurança que só Deus pode dar. Nós também podemos! Apeguemo-nos a Deus porque só Ele pode suster-nos. Todos os cristãos podem desfrutar das promessas Divinas; Elas são para nós!

 
Praia, 17 de Novembro de 2009-
Esther Spencer Lopes

 

 

 

No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...