Sugestoes

Nao deixe de ler: Por cada 100 casamento, ha 70 divorcios &&&&& Epistolaonline deseja a todos Feliz Natal &&&&& Nao temas, estou contigo &&&&&

Tuesday, March 23, 2010

GRAÇA SUPERABUNDANTE

Não há vida cristã  fora da Graça Divina porque é Ela que a orienta. A Graça é para aqueles que têm fé, a fonte de consolo nas tribulações, a fonte de esperança e alento, socorro necessário nos momentos de crise; ela é abundante e suficiente para qualquer emergência, necessidade e situação porque é Dom de Deus, provém de Deus. Graça é bênção e ser objecto dessa bênção é de facto um grande privilégio mas acarreta, logicamente responsabilidades acrescidas.  
Há momentos em que invocamos a acção actuante, visível e palpável de Deus para o nosso bem-estar tanto físico quanto material e mental. Fazemo-lo sobretudo através da oração. O hinólogo ao escrever o hino “Falar com Deus” devia estar a passar por um desses momentos humanos de aperto e algum desapontamento. Compartilho-o convosco:
                                           
                                                  FALAR COM DEUS 
             Na oração encontro calma
             Na oração encontro Paz
             Orar a Deus faz bem á alma
             Falar com Deus me satisfaz 
             Falar com Deus que privilégio
             Abrir a alma ao Criador
             Sentir que os Céus estão abertos
             E ouvir a voz do Salvador 
             Grande é o nosso Deus
             E as obras que Ele faz
             O Seu amor não tem limites
             No Seu perdão encontro Paz 
             Falar com Deus preciso sempre
             Pois Ele é fonte de Poder
             Só  com Ele a vida faz sentido
             Pois me dá forças para viver. 
Há dias em que sentimos falta de um ombro amigo a quem nos recorrer para que apenas e unicamente nos oiça e amargurados descobrimos que esse ombro não existe e nos decepcionamos. Outras vezes, é Deus que parece se distanciar de nós e ficamos mergulhados no desalento e perguntamos: “Onde está o meu Deus?”, “Porque se demora tanto em atender-me”, “ Porque está desalentada a minha alma?”. A Bíblia diz que Ele é o nosso AMIGO mais chegado que um irmão.  
Muitas vezes damos a impressão de que somos fortes e que aguentamos qualquer vendaval que surja. Apenas aparência. Não nos aguentamos e não somos fortes sem Deus por mais que tentemos o contrário.  
Quem é  que nunca duvidou da eficiência e da eficácia de Deus? Todos nós! Sentimos que a nossa Fé foi abalada, estremecida na base e quase se nos foi a Esperança. 
Esperança no sentido de abarcar situações mais desesperadoras assim como projectos pessoais mais ousados. Não há Esperança sem Fé. Por isso, enquanto existir uma réstia de Fé há Esperança porque ela é o símbolo de Vida. Não entendemos muita coisa. Deus sabe-o e não se ofende se O questionarmos sobre os nossos temores, dúvidas, provações e o nosso próprio eu. Falar com Deus precisamos sempre: por coisas boas, menos boas e más. Ele promete pleitear a nossa causa, dar-nos força e valor. Por isso ainda que andemos pelo vale da sombra da morte, não temamos mal algum porque Ele está connosco. Deus promete dar-nos uma vida com qualidade mas segundo o Seu padrão.
Ao nosso AMIGO mais chegado que um irmão, podemos abrir a nossa mente e coração, contar-lhe tudo. Ele é o único que nos conhece e até sabe quantos fios de cabelo possuímos, pois somos obra da Sua Criação. 
Certamente que a bondade e o amor me seguirão todos os dias da minha vida e habitarei na casa do Senhor para sempre. Salmos 23;6   
Uma boa semana.

Palmarejo, 22 de Março de 2010.
Esther Spencer Lopes 
 

No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...