Sugestoes

Nao deixe de ler: Por cada 100 casamento, ha 70 divorcios &&&&& Epistolaonline deseja a todos Feliz Natal &&&&& Nao temas, estou contigo &&&&&

Friday, September 12, 2008

Ensinamentos para violonistas ( Apostilas sobre aulas de violão )

Cifrado é a nomenclatura universal moderna de hamonização . Onde os nomes das notas são substituídos por letras . A (lá) B (si) C (dó) D (ré) E (mi) F (fá) G (sol) Acidentes: # (sustenido) aumenta anota meio tom b (bemol) diminui a nota meio tom Códigos: m (acorde menor) + ou M (acorde maior) ° (acorde diminuto) / (acorde com o baixo alterado) - (acorde diminuído) Ex. (E/D = Mi maior com o baixo em Ré) Transporte
O transporte é utilizado para modificar a tonalidade da música para mais aguda ou para mais grave. Se a música estiver cifrada muito baixa na marcação original encaminha-se para a direita até achar o tom ideal . Quando estiver cifrada muito alta encaminha-se para esquerda . Para a direita ----------: mais alto Para esquerda :--------: mais baixo Baixo

O baixo tem função de reforçar harmoniosamente as notas graves dos acordes . Todo acorde é formado pôr três ou mais notas. 1º Tônica 2º Terça 3º Quinta 4º Dissonância

No baixo contasse as notas da corda MI para a corda sol . No sentido de aumento de tom. . Na maior parte dos acompanhamentos , o baixo utiliza a tônica como a nota preponderante , portanto as outras notas podem ser utilizadas para fazer um desenho melódico , e com isso obter um resultado mais colorido no acompanhamento.... DÓ = 33 RÉ = 35 MI = 40 FÁ = 41 SOL = 43 LÁ = 45 SÍ = 32 Esse é um sistema de números que facilita a identificação da nota , ele procede da seguinte maneira ,contasse as cordas de baixo para cima dando números decimais como nome ... Corda 1 solta = 10 Corda 2 solta = 20 Corda 3 solta = 30 Corda 4 solta = 40 Se a corda 1 estiver pressionada na primeira casa será 11 se estiver pressionada Na Segunda será 12 e assim sucessivamente com as outras cordas..... Escalas

Vamos aprender a construir uma escala de Dó a Dó e com todos os seus acidentes. Para isto precisamos saber que entre Mi e Fá - Si e Dó não há sustenido (#) ou bemol (b), e que o # e o b ocupam a mesma casa ou seja um Fá # está localizado na mesma casa em que vamos encontrar o Sol b. Logo temos. Dó#Ré#MiFá#Sol#Lá#SiDó ou Dób Réb Mi Fáb Solb Láb Si Dó Mi--Fá-#-bSol#-bLá-#-bSi-Dó-#-bRé-#-bMi- Lá--#-bSi-Dó-#-bRé-#-bMi-Fá-#-bSol#-bLá- Ré--#-bMi-Fá-#-bSol#-bLá-#-bSi-Dó-#-bRé- Sol-#-bLá-#-bSi-Dó-#-bRé-#-bMi-Fá-#-bSol Si--Dó-#-bRé-#-bMi-Fá-#-bSol#-bLá-#-bSi- Mi--Fá-#-bSol#-bLá-#-bSi-Dó-#-bRé-#-bMi-Transposição de Tons

A transposição de tonalidade é o meio de fazer com que uma música que você já tenha cifrada em casa, mas não consegue cantar por não conseguir alcançar a tonalidade, possa ser baixada ou aumentada, em sua tonalidade, de acordo com as suas necessidade, servindo também para facilitar o trabalho de outros instrumentistas evitando que tenha que tocar em tonalidades difíceis de ser executadas. Para isso utilizamos a escala. Dó#Ré#MiFá#Sol#Lá#Si Dó

Faremos dois exemplos para a sua compreensão.

EXEMPLO 1 - Digamos que, uma música foi feita originalmente nos acordes Dó - Fá - Sol, mas quando você a executa a sua voz não alcança algumas notas por serem muito agudas, é nesta situação que recorreremos ao uso da transposição de tonalidade, e trocaremos os acordes por outros mais graves logicamente. Usando a escala acima vamos diminuir meio tom ou seja vamos localizar os acordes Dó - Fá - Sol na escala e voltar um acorde. Resultado o acorde Dó passará a ser Si, o acorde Fá passará a ser Mi e o acorde Sol passará ao acorde Fá #.

EXEMPLO 2 - Digamos que o caso seja inverso, que a música que você pretende executar é muito grave e você quer que a melodia se torne mais aguda. Tomaremos como base os acordes Mi - Lá - Ré, e usando a escala alteraremos um tom, ou seja duas notas para frente. Resultado o acorde Mi passará a ser o Fá # o acorde Lá passará a ser o acorde Si e o acorde Ré a Mi.

No comments:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...